Todos os artigos de joana barra vaz

POR ALEPPO, COM AMOR

~ ~ ~

O Natal deste ano começou mais cedo, no dia 21, com mais de 450 pessoas reunidas com um único objectivo: angariar fundos e corações e enviá-los para ALEPO através dos Médicos Sem Fronteiras. O Gustavo Carona, Um Médico Sem Fronteiras no terreno, contou-nos como nasce a esperança em cenários de guerra. No final da noite uma jovem Síria que estuda em Portugal quis subir ao palco para nos contar como é que se mantém a esperança viva com o amparo do amor dos outros. Se o que angariámos tem impacto perante uma situação terrível que ainda nos esforçamos por compreender (e não conseguimos), a resposta é sim. Pois, por mais ínfimo que seja o gesto, é precisamente no repetir destes gestos pequeninos de amor que se muda o mundo. POR ALEPPO foi a prova viva que O Amor Existe e só precisa de ser acordado, provocado, praticado, partilhado, oferecido, recebido, celebrado. O André Tentugal e a Selma Uamusse criaram esta onda de partilha e que só tem por onde crescer. (Obrigada!) É isso que vos/nos desejo nos dias de “Festas” e nos “dias normais”: esta certeza, acompanhada de uma prática diária e constante, todos juntos. 

Fotografia de Ana Luísa Alvim

~ ~ ~